Home » CRISE FINANCEIRA (Page 7)

  • >> Atenas e Rio, ontem, 12/02/2012

    Atenas e Rio, ontem, 12/02/2012 ATENAS RIO Rede Globo sendo expulsa de Copacabana pelo povo

    Continue reading »

  • >> Mario Monti, lobista dos bombanqueiros da OTAN – sinergia entre bombas e bancos, bombardeios e bombanqueiros

    >> Mario Monti, lobista dos bombanqueiros da OTAN – sinergia entre bombas e bancos, bombardeios e bombanqueiros

    Mario Monti, lobista dos bombanqueiros da OTAN – sinergia entre bombas e bancos, bombardeios e bombanqueiros FONTE: C.O.M.I.D.A.D.ORG de 19.01.2012 Tradução: Imediata Mario Monti Cresce o interesse por parte das multinacionais financeiras pelos negócios “pobres”, das aposentadorias aos amortizadores sociais. Tudo vira ocasião para privatizações, imposição de contas correntes e cartas de crédito (vide a “flexsecurity”). É preciso “liberalizar”, mas os seguros se tornam obrigatórios a respeito de tudo: além das donas de casa, agora os profissionais também precisam ter […]

    Continue reading »

  • >> Se Occupy Wall Street assusta o The Economist – por Carlo Formenti

    >> Se Occupy Wall Street assusta o The Economist – por Carlo Formenti

    Se Occupy Wall Street assusta o The Economist por Carlo Formenti Fonte: Micromega 7 de janeiro de 2012 Tradução: Mario S. Mieli A leitura do The Economist constitui um saudável exercício intelectual que consente sondar o humor dos chefões da economia global – humor que, ao se folhear os artigos do último número da revista, parece ter ficado negro. O que preocupa os senhorios, diferentemente de quanto se poderia esperar, é, mais que o péssimo andamento dos mercados, a raiva […]

    Continue reading »

  •  
  • >> O GRATUITO É A ARMA ABSOLUTA – Siné Mensuel entrevista Raoul Vaneigem

    >> O GRATUITO É A ARMA ABSOLUTA – Siné Mensuel entrevista Raoul Vaneigem

    O GRATUITO É A ARMA ABSOLUTA Siné Mensuel entrevista Raoul Vaneigem Fonte: Infoshop.org 7 de janeiro de 2012 Tradução: Mario S. Mieli O pensamento situacionista definiu a Primavera de Paris em 1968; uma revolta espontânea que quase derrubou o governo francês e ameaçou entrar em erupção transformando-se numa insurreição global contra o capitalismo a partir de seu interior. Protestando contra a alienação, a desigualdade e a sociedade do espetáculo, slogans como “O tédio é contrarrevolucionário” e “Corre, camarada, o velho […]

    Continue reading »

  • >> Singelas PROFANA-ações 11 – ELOGIO DA DIALÉTICA, Occupy Wall Street e Manifesto Uninômade Global: Revolução 2.0

    >> Singelas PROFANA-ações 11 – ELOGIO DA DIALÉTICA, Occupy Wall Street e Manifesto Uninômade Global: Revolução 2.0

    Singelas PROFANA-ações 11 – ELOGIO DA DIALÉTICA, Occupy Wall Street e Manifesto Uninômade Global: Revolução 2.0 Por: Mario S. Mieli Mensagem de 2 de outubro de 2011 atualizada em 4 de janeiro de 2012 Os cartazes da Ocupação: http://occuprint.org/ ELOGIO DA DIALÉTICA BERTOLT BRECHT A injustiça hoje avança a passo firme. Os tiranos fazem planos para dez mil anos. O poder apregoa: as coisas continuarão a ser como são. Nenhuma voz além da dos que mandam. E em todos os […]

    Continue reading »

  • >> Porque os Estados devem pagar 600 vezes mais que os bancos? por Michel Rocard e Pierre Larrouturou

    >> Porque os Estados devem pagar 600 vezes mais que os bancos? por Michel Rocard e Pierre Larrouturou

    >> Porque os Estados devem pagar 600 vezes mais que os bancos? Por: Michel Rocard e Pierre Larrouturou Fonte: Le Monde 2 de janeiro de 2012 Tradução: Mario S. Mieli São cifras inacreditáveis. Já se sabia que, em fins de 2008, George Bush e Henry Paulson tinham colocado sobre a mesa 700 bilhões de dólares (540 bilhões de euros) para salvar os bancos dos EUA. Uma soma colossal. Mas recentemente, um juiz estadunidense deu razão aos jornalistas da Bloomberg que […]

    Continue reading »

  •  
  • >> Especuladores deveriam ser julgados por crime contra a humanidade – Jean Ziegler + Documentário A Ordem Criminosa do Mundo

    >> Especuladores deveriam ser julgados por crime contra a humanidade – Jean Ziegler + Documentário A Ordem Criminosa do Mundo

    Especuladores deveriam ser julgados por crime contra a humanidade – Jean Ziegler + Documentário A Ordem Criminosa do Mundo Entrevista de Elodie Bécu para o Basta! 19 de dezembro de 2011 Tradução: Agência Imediata Os recursos do planeta permitem alimentar 12 bilhões de seres humanos, mas a especulação e o controle das multinacionais sobre as matérias primas criam uma penúria. Consequência: cada ser humano que morre de fome é assassinado, afirma Jean Ziegler, ex-relator especial da ONU para o direito […]

    Continue reading »

  • >> Sala de espera 14 – “A Recessão” poema-profecia de Pier Paolo Pasolini

    >> Sala de espera 14 – “A Recessão” poema-profecia de Pier Paolo Pasolini

    O gênio visionário de Pier Paolo Pasolini nos contava, no longuínquo 1974, os anos que hoje temos pela frente. Com insesperada precisão e incomparável poesia. Por Debora Billi Tradução: Mario S. Mieli Tantas as Cassandras que superpovoam estes anos difíceis. Tantos, que, sem serem ouvidos, pediram um decrescimento “feliz” antes que fôssemos constrangidos àquele infeliz. Tantos que avisaram, e depois foram tachados de agourentos, conspiradores, tagarelas de teclado. Uma, a grande Cassandra italiana, nos tinha contado nossos anos muito antes […]

    Continue reading »

  • >> A fábrica do homem endividado, por Maurizio Lazzarato

    >> A fábrica do homem endividado, por Maurizio Lazzarato

    A fábrica do homem endividado Por: Maurizio Lazzarato Tradução da versão em italiano: Mario S. Mieli Na Europa, a luta de classes, assim como aconteceu em outras regiões do mundo, manifesta-se e se concentra hoje em dia em torno da dívida. A crise da dívida ameaça também os Estados Unidos e o mundo anglo-saxão, países onde teve origem não só o último colapso financeiro, como também e sobretudo o neoliberalismo. A relação credor-devedor, que define a relação de poder específica […]

    Continue reading »

  •  
  • >>Do Império à Democracia, por Howard Zinn

    >>Do Império à Democracia, por Howard Zinn

    Fonte: The Guardian Tradução: Agência Imediata Não devemos desperdiçar 700 bilhões de dólares num resgate, mas usar o “governo forte” naquilo que ele pode fazer melhor – moldar uma sociedade que seja justa e pacífica A crise financeira atual é uma das estações principais no caminho para o colapso do império americano. O primeiro sinal importante foi o 11 de setembro, quando a nação mais fortemente armada do mundo se mostrou vulnerável a um punhado de seqüestradores. E agora, outro […]

    Continue reading »

  • >>Oh moon of Alabama, por Franco Berardi

    >>Oh moon of Alabama, por Franco Berardi

    Fonte: Rekombinant Oh moon of Alabama it’s time to say goodbye we’ve lost our old good mama and now we must have some whiskey oh you know why….. Un anno fa sono stato in Argentina. Partivo da un’Italia cupa rabbiosa e triste com’è adesso. A Roma un uomo di etnia rom aveva ucciso Giovanna Reggiani e il liquame razzista si spargeva nella psiche della penisola. Non ha smesso da allora di tracimare. Ero talmente assorbito dalla tragedia italiana che non […]

    Continue reading »

  • >>Karl Marx manda lembranças, por César Benjamin

    >>Karl Marx manda lembranças, por César Benjamin

    Fonte: Folha de S. Paulo (20/9) O que estamos vendo não é erro nem acidente. Mais uma vez, os Estados tentarão salvar o capitalismo da ação predatória dos capitalistas. Em meados do século 19, Karl Marx já havia revelado como este jogo se dá. As economias modernas criaram um novo conceito de riqueza. Não se trata mais de dispor de valores de uso, mas de ampliar abstrações numéricas. Busca-se obter mais quantidade do mesmo, indefinidamente. A isso os economistas chamam […]

    Continue reading »

  •  
  • >>Desequilíbrios estruturais do capitalismo atual, por Emir Sader

    >>Desequilíbrios estruturais do capitalismo atual, por Emir Sader

    Fonte: Blog do Emir, 11/09/2008 A atual crise econômico-financeira internacional se insere no marco de um ciclo longo recessivo, do qual o capitalismo não logrou sair desde seu início, em meados da década de setenta do século passado. Sem essa inserção, fica difícil a apreensão do caráter dessa crise, das conseqüências que pode produzir e do cenário que deve surgir depois dela. Os ciclos e as crises O capitalismo vive, pela própria natureza do seu processo de reprodução, articulado por […]

    Continue reading »

 
 

Arquivos Recentes